8 mudanças simples para ter uma vida mais verde e sustentável.

Publicado: 10/08/2018

1- Desperdiçar menos comida

Planejar o cardápio da semana é uma boa pedida, assim você saberá exatamente o que precisa e do que não precisa. A velha técnica de fazer a lista de compras te ajuda a comprar somente o necessário, sem deixar alimento estragando na geladeira e ainda economiza aquele dinheirinho pra investir em você.

2- Considere o vegetarianismo/veganismo

Considerar o vegetarianismo/veganismo não signifique que você precisa cortar todos os ingredientes de origem animal caso não queira. Tudo bem, cada pessoa tem o seu tempo e sua realidade, mas você pode considerar reduzir esses ingredientes durante a sua semana ou optar por ter um dia da semana apenas com alimentação vegana. Vocês sabiam que cada dia de veganismo de uma pessoa pode adiar em um dia o dia da sobrecarga da terra?

3-  Saiba quem fez e como são produzidos os tecidos das suas roupas!

Saber como suas roupas são feitas já é uma forma de consumo consciente. Comprar de pequenos produtores e marcas locais ajuda a girar a economia local; adquirir produtos com matérias primas nacionais ajuda a economia nacional, diminuindo o Co2 jogado a camada de oxônio dos transportes internacionais; consumir peças de roupas sustentáveis, com matérias primas ecológicas, como: fio de pet reciclado, tingimento natural, biodegradável; se certificar se as empresas de todos os processos das cadeias da sua peça de roupa trabalham com práticas sustentáveis, como por exemplo: usar água de reuso das chuvas, reciclar o lixo, usar mão de obra justa, diminuir o desperdício, etc.




4- Cuide das suas peças de roupas

Amar suas roupas é essencial, mas é fundamental você cuidar delas com mais amor ainda. Observe e siga as instruções de lavagens que estão nas etiquetas de cada roupa, afinal elas estão ali por algum motivo. Se você seguir essas instruções o tempo de vida da sua peça será enorme e assim você não precisará descarta-las em vez de doa-las!

5- Se informe, aprenda!

Se informar é a melhor maneira de repensar e saber qual a melhor atitude tomar. Se informe sobre as marcas que você consome e apoie as suas atitudes corretas. Se informe pontos de coletas específicos para cada tipo de resíduo. Saia da sua zona de conforto e tente novas experiências! Que tal aprender a cultivar uma hortinha na sua casa? Ou aprender a fazer seu próprio sabão com o óleo que sobre na hora de cozinhar? Se jogue em novas experiências!


6- Se liberte do plástico

Já é clichê e repetido? É sim, mas precisamos sempre falar dele... o plástico!
Muitos já sabem que se tudo continuar como está até 2050 terá mais plásticos nos oceanos que peixes, por isso ande sempre com a sua ecobag para fazer compras. Leve seus saquinhos de tecidos e compre a granel (você pode reutilizar saquinhos de tecidos que vem em peças de roupas, cosméticos, etc.).
Deixe de lado os canudos e os descartáveis! Você pode utilizar canudos reutilizáveis de metal ou nem usa-los. Ande com a sua garrafinha de água e com seu copo reutilizável.
Com pequenas mudanças de hábitos, podemos ajudar o planeta!



7- Economize

Seja água ou energia, economize!
Pequenas práticas do dia a dia podem ajudar o meio ambiente e ainda gera uma baita economia: desligue seus aparelhos durante a noite e quando não estiver utilizando; mas é desligar mesmo, a função standby consome energia. Troque suas lâmpadas por LED, pois elas duram mais e economizam energia.
Tome banhos mais curtos, desligue a torneira para lavar a louça, só lave roupa quando tiver a quantidade necessária para encher a máquina; reutilize a água das roupas para lavar outras partes da casa, capte água da chuva para as áreas externas.

8- Separe o lixo e recicle.

Deixa aquela preguiça de lado e recicle o seu lixo!
Separe um cantinho na sua casa, pode ser a lavanderia, a sacada ou no quintal e faça ali o seu armazenamento de recicláveis. Junte tudo que pode ser reciclado ali, como vidro, plástico, papel, latas, etc. e quando tiver uma quantidade bacana, leve para os pontos de coletas da sua cidade, do seu prédio ou de alguma cooperativa que conheça.
Agora se você tem um jardim ou gramado, que tal fazer um adubo com as sobras de alimentos orgânicos? Eles são melhores que os adubos industrializados! Ah, se você não tem esse espaço verde, você pode doar para ongs e projetos que realizam esse trabalho.


É super fácil ter atitudes sustentáveis, então bora mudar nossos hábitos e ajudar a nossa casa, o nosso planeta!

Posts Recentes





Newsletter

Quer ficar por dentro das nossas novidades e promoções?
Assine a nossa newsletter!

Siga!

Tem insta, tem face, tem pinterest e tem muita coisa good vibes!
  • Site seguro SSL Compra 100% segura
  • Entrega para todo brasil Entrega para todo Brasil
  • Parcelamento no cartão Parcelamento no cartão